quinta-feira, 27 de novembro de 2014

A DECISÃO CERTA!


Passam os dias…. Devagar!
Lentamente o tempo voa,
A dor, essa, vai propagar
Aumentando a saudade que magoa!
“Quem não vê … Esquece!”
Não acredito… Mentira!
O sentimento nunca arrefece
e a validade nunca expira!
É difícil este tormento,
e jamais pensei senti-lo assim!
Naquele momento
achei ser o melhor…. mas em fim!
Choro lágrimas secas…
De ti … de mim… de nós!
Recordações como enxaquecas
que me tiram o sono e a voz!
Tenho frio dos teus braços
que me embrulhavam
como se dessem laços
aos dias que passavam.
Tenho fome dos teus beijos
que me alimentavam a emoção.
E os quais não me causavam pejos
ao me aquecerem esta paixão!
Mas tinha que ser desta forma.
Não havia outra possível!
Não estávamos a seguir a norma
e o sentimento era exequível!
A decisão foi a certa?!
Não! De certeza que não!
A decisão foi a mais correta?!
Sim! A mais acertada para o coração!
Autor: As Palavras não têm Sono
reservado direitos de autor

Sem comentários: